Quem Somos  Órgãos Sociais  Atividades  Projetos  Revista  Notícias  Contactos  Links  Produtos  Legislação 

ELEIÇÕES PARA OS ÓRGÃOS SOCIAIS DA APTN PARA O QUADRIÉNIO 2016/2020 (VER NOTÍCIA AO LADO)

 

DIA 17 DE DEZEMBRO DE 2016

 

O Presidente da Assembleia Geral

Prof. Doutor Jorge Campaniço

(17_nov_2016)

 

ELEIÇÕES APTN

 

Por solicitação do candidato a presidente da direção da APTN, divulgamos o seguinte texto:

 

 

Manifesto eleitoral

 

 

[17 de dezembro de 2016]

“Uma APTN Maior e Melhor”

 

Proposta de candidatura aos órgãos sociais da Associação Portuguesa de Técnicos de Natação (APTN) para o quadriénio 2016-2020   

 

 

Manifesto eleitoral

 

“Uma APTN Maior e Melhor”

A APTN é uma associação com quase 4 décadas de existência que tem por missão fundamental o desenvolvimento da natação portuguesa através da promoção e divulgação do conhecimento técnico-científico com ela relacionados, ao mesmo tempo que representa os interesses dos seus associados junto das demais organizações desportivas. O percurso até agora realizado constitui motivo de orgulho, já que hoje a APTN é uma referência nacional no quadro das sociedades de classe de técnicos de desporto. É agora necessário partir deste passado para catapultar o futuro - a APTN precisa de refletir sobre o seu papel no atual panorama do desporto nacional, em particular na natação, nas suas diferentes vertentes, e nas atividades aquáticas nos seus vários âmbitos de atuação.

A nossa proposta de trabalho visa honrar o passado, prestigiar o presente, e sobretudo garantir a relevância futura da APTN nas dimensões corporativa e institucional junto dos sócios e das demais organizações desportivas nacionais e internacionais. Queremos uma APTN que saiba estabelecer o seu rumo com base numa consciência coletiva sobre os problemas existentes e que se perspetivam, e capaz de ultrapassar os desafios vindoiros da natação portuguesa. Connosco a APTN será mais liberal na sua conceção corporativa, mais reforçada na sua capacidade institucional, mais ambiciosa nos seus objetivos e mais respeitada no valor que atribui aos técnicos de natação no seu todo.

Assim, esta candidatura irá dar cumprimento ao estipulado nos estatutos da APTN no que se refere às suas atribuições gerais (artigo 4º), onde se identificam 3 eixos principais de intervenção: (i) contribuir para o desenvolvimento da natação portuguesa – “mais e melhor natação”; (ii) zelar pela relevância institucional da APTN – “mais e melhor APTN”; (iii) defender e valorizar os associados – “mais e melhor valorização dos sócios”. Para cada um destes eixos serão os seguintes os objetivos estratégicos e as respetivas ações que farão parte do nosso plano de ação.

 

(EIXO 1) MAIS E MELHOR NATAÇÃO

 

(O1) Melhorar o conhecimento e a qualidade da intervenção técnica:

§  (a1) Criar o centro de formação da APTN e estruturar o seu reconhecimento enquanto entidade no âmbito da formação contínua de docentes (CCPFC) e de treinadores e técnicos de desporto (IPDJ);

§  (a2) Desenvolver um mecanismo simplificado de reconhecimento de necessidades de formação locais com vista ao desenvolvimento de planos formativos à sua medida;

§  (a3) Organizar anualmente o congresso técnico-científico da APTN num modelo atrativo e abrangente aos perfis dos diferentes mercados de trabalho;

§  (a4) Atender às necessidades de formação especializada em áreas emergentes de atuação em atividades aquáticas, designadamente de manutenção da condição física (e.g., natação livre, vertentes da hidroginástica) terapêuticas (deficiências sensoriais; psíquicas; natação corretiva) e de promoção da saúde (e.g., pré e pós parto; reabilitação aquática);

§   (a5) Associar a APTN a outras entidades no que se refere à organização conjunta de conferências e eventos técnico-científicos nas áreas de formação específicas.

 

(O2) Promover a disseminação de normas de boas-práticas e da investigação científica aplicadas à natação nas suas diferentes vertentes, às atividades aquáticas nos vários âmbitos de atuação e à gestão desportiva aplicada às atividades aquáticas:

§  (a6) Reanimar a revista "AcQua - Revista Portuguesa de Natação" num formato digital atrativo, com conteúdos técnicos e científicos e de boas-práticas na intervenção técnica e gestão;

§  (a7) Promover tomadas de posição técnicas sobre temáticas estruturantes;

§  (a8) Manter a inclusão de trabalhos técnico-científicos no congresso anual, incentivando a diversidade e formatos alternativos à comunicação livre (e.g., vídeo, vídeo poster);

§  (a9) Criação do programa de reconhecimento de mérito científico para jovens investigadores;

§  (a10) Manter e incentivar a publicação técnico-científica por parte dos associados, criando um regulamento específico de estímulo.

 

(O3) Promover a literacia aquática da população portuguesa, assim como dos benefícios da prática de natação (e suas vertentes) e de outras atividades aquáticas:

§  (a11) Associar a APTN como parceira estratégica do programa "crianças à prova de água", que visa divulgar os benefícios e massificar a competência aquática na população infantil Portuguesa;

§  (a12) Colaborar com o Instituto do Território (IT), com as Associações Distritais e a FPN para a identificação das instalações desportivas aquáticas nacionais e suas principais valências e serviços;

§  (a13) Promover, em parceria com outras entidades, a identificação e caracterização da competência aquática na população portuguesa.

 

(O4) Estimular e promover a vivência dos valores éticos no desporto e o respeito pelas regras e leis da prática desportiva.  

§   (a14) Inserir a ética desportiva e a luta contra a dopagem no plano de formação anual da APTN;

§  (a15) Incluir a temática da segurança no ensino e na prática nas atividades formativas APTN.

 

(EIXO 2) MAIS E MELHOR APTN

 

(O5) Refletir sobre a missão, as atribuições e o funcionamento organizativo da APTN:        

§  (a16) Promover a discussão e a revisão geral dos estatutos, inclusive da sua adequação ao novo Regime Jurídico das Federações Desportivas (RJFD);

§  (a17) Constituir um conselho consultivo, agregando massa crítica de apoio à direção para os diferentes âmbitos de atuação da APTN e da intervenção profissional dos sócios.

 

(O6) Reforçar a imagem da APTN:

§  (a18) Valorizar a imagem da APTN nos diferentes mecanismos de informação quer com os sócios quer com as demais instituições;

§  (a19) Desenvolver e manter atualizada a nova página de internet e a sua penetração na rede social com funções informativas e formativas junto dos sócios e demais interessados;

§  (a20) Estabelecer uma nova sede para a APTN com vista a aumentar a sua funcionalidade, designadamente para arquivo, reuniões dos órgãos sociais e/ou do conselho consultivo, e para pequenos momentos formação e debate.

 

(O7) Desenvolver a cooperação e o relacionamento institucional:

§  (a21) Celebrar um protocolo de cooperação quadrienal com a FPN para diferentes eixos de atuação (e.g., filiação dos treinadores; formação contínua; congresso anual);

§  (a22) Estabelecer protocolos de cooperação com diferentes entidades para concretização dos diferentes projetos da APTN, nomeadamente aquelas com responsabilidade na política desportiva nacional (e.g., COP, CDP, IDPJ), segurança (e.g., DECO, ISN), gestão e organização territorial (e.g., IT; autarquias).

 

(O8) Internacionalizar a APTN aumentando a sua interatividade com as associações congéneres:

§  (a23) Renovar os protocolos de cooperação existentes com as associações congéneres;

§  (a24) Estabelecer novas parcerias com outras associações estrangeiras com vista à disseminação de boas práticas e atribuição de valor aos respetivos associados.

 

(EIXO 3) MAIS E MELHOR VALORIZAÇÃO DOS SÓCIOS

 

(O9) Promover e valorizar os associados:

§  (a25) Criar um mecanismo simplificado de atualização de quotas, assegurando um descritivo real dos sócios ativos;  

§  (a26) Assegurar benefícios para os associados no que se refere à aquisição de bens e serviços prestados pela APTN;

§  (a27) Renovar o conceito de sócio coletivo (artigo 18º) junto de entidades públicas e privadas, aplicando um conceito de cooperação institucional e de criação de valor;

§  (a28) Desenvolver um programa de aprendizagem experiencial (estágios de curta duração) de carácter nacional e internacional;

§  (a29) Redefinir os representantes regionais e distritais (artigo 8º) na sua ação territorial de promoção da APTN junto dos associados e aspirantes a sócios, das organizações desportivas e respetivas associações distritais de natação;

§  (a30) Manter o reconhecimento do mérito técnico aos treinadores nas diferentes vertentes na natação;

§  (a31) Estabelecer parcerias com seguradoras para a criação de benefícios aos associados da APTN, nomeadamente em seguros de Acidentes de Trabalho para Profissionais Liberais.

 

(O10) Defender os interesses dos associados e representá-los junto das organizações desportivas:

§  (a32) Manter a representação da APTN na Assembleia Geral da FPN;

§  (a33) Criação do serviço de orientação e aconselhamento jurídico aos associados.

 

LISTA CANDIDATA AOS DIFERENTES ÓRGÃOS SOCIAIS:

Assembleia Geral:

(Presidente)

Pedro Mortágua Velho da Maia Soares

(Vice-presidente)

Diva Fabiana Constantino Cobra

(Secretário)

Mário André da Cunha Espada

Direção:

(Presidente)

Aldo Filipe Matos Moreira Carvalho da Costa

(Vice-presidente)

Hugo Gonçalo Duarte Louro

(Vice-presidente)

Mário Jorge de Oliveira Costa

(Secretário)(a)

Ana Teresa Silveira Conceição

(Tesoureiro)

Nuno Domingos Garrido Nunes de Sousa

Conselho Fiscal e Disciplinar:

(Presidente)

Pedro Guedes de Carvalho

(Vice-presidente)

Sérgio David Martins Quintais Silva

(Relator)(a)

Tânia Soraia Leitão Mira

 

 

 

 

 

  

 

 

 

 

 

 




   
   
   

 

APOIOS

 

 

 

 

 

 

 

 
   
Copyright 2016 - APTN / WebSite desenvolvido por Arquivandus Lda